Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blog da Catraia

que, na realidade, agora são duas... Uma Catraia minhota de coração, lisboeta por obrigação, juntou-se à primeira, nortenha de berço e coração para, juntas - YUPI! - partilharem um blog:)

Blog da Catraia

que, na realidade, agora são duas... Uma Catraia minhota de coração, lisboeta por obrigação, juntou-se à primeira, nortenha de berço e coração para, juntas - YUPI! - partilharem um blog:)

Uma receita leve e uma música para sonhar

Hoje apetece-me uma receita de Outono, leve, mas cheia de sabor, para acompanhar o dia de sol ameno lá fora. E nada melhor do que umas Bruschettas com Queijo-Creme e Figos do blog Be Nice, Make a Cake (sou doida por figos, não vale a pena esconder!). Embora a Rosa sugira esta receita para pequeno-almoço, eu confesso que poderia ser facilmente o meu jantar, e sobremesa ao mesmo tempo, apenas antecedida de uma bela sopinha (que isso eu não dispenso!). 

Bruschetta de Queijo Creme e Figos

Ingredientes:

8 fátias de pão escuro
16 figos
200g de queijo de barrar
100g de amêndoas laminadas
200g de tomate cherry

Para a redução:
250ml de vinagre balsamico
30g de açúcar

 

Preparação:
Comece por preparar a redução. Para isso coloque o vinagre e o açúcar num tacho pequeno e leve ao lume para ir fervendo lentamente em lume médio. Mexa ocasionalmente e quando começar a ficar com uma textura ligeiramente espessa e tiver reduzido para metade, desligue. 

Numa frigideira ou no forno, leve a amêndoa a tostar ligeiramente e reserve.

Corte os figos em metades ou em quartos, assim como os tomates cherry.

Torre as fatias de pão (ou leve todas juntas ao forno). 

Espalhe uma camada de queijo creme, coloque por cima os figos, os tomates e polvilhe com as amêndoas.

No momento de servir, deixe cair um fio da redução em todas as tostas e sirva.

 

Tão simples, não é? 

E quem diz pequeno-almoço ou jantar, também diz uma entrada, em fatias de pão mais pequenas, para um jantar de amigos. Aposto que ficariam surpreendidos! 

E se a este maravilhoso prato juntarmos o Patrick Watson...

 

 

Ora cá está um programa perfeito! Vamos a isso?